A Seguir

A peça fala do ano de 1147 e da defesa de Lisboa contra portugueses e cruzados em trânsito para a Terra Santa (Segunda Cruzada). Partindo de relatos ocidentais, recria-se o ponto de vista do “lado de lá”, o dos muçulmanos, através da crónica de Alabad bin Muhammad Almançor, arqueiro e poeta.

Fugido de Santarém (tomada de assalto pelos portugueses meses antes), Alabad e o seu irmão Youssef são acolhidos por um tio lisbonense, procurando aí recomeçar as suas vidas. Mas a esperança de uma existência feliz naquela cidade florescente e muito populosa em breve se transformará numa tormenta, quando os cristãos chegam às portas da cidade para conquistá-la (na perspetiva do defensor), para reclamá-la (na ideia do invasor).

(…) Já se conhecem os relatos de testemunhas presenciais do mesmo acontecimento. Agora há também este, vindo das muralhas de uma cidade caiada de branco. Tão verdadeiro e tão falso quanto os restantes que se conhecem…

Ficha Artística e Técnica:

Texto e Encenação: Nuno Pino Custódio
Tradução (espanhol) : Juan Ramon Santos
Interpretação: Pedro Diogo
Músico: Pedro Rufino
Concepção Plástica: Patrícia Raposo
Desenho de Luz: Pedro Fino
Assistência de Encenação: Tiago Poiares
Direcção Musical: Pedro Rufino
Direcção de Produção: Alexandre Barata
Design de Comunicação: Hugo Landeiro D.
Fotografia: Miguel Proença
Confecção de guarda-roupa: Alfaiataria Juvenal

NOTA:

ATENDENDO AO PLANO DE CONTINGÊNCIA DOS AUDITÓRIOS MUNICIPAIS, DURANTE O PERÍODO PANDÉMICO, O LUGAR EMITIDO NO BILHETE NÃO CORRESPONDE AO LUGAR A SENTAR NA SALA.

A ENTRADA SERÁ REALIZADA POR ORDEM DE CHEGADA E O LUGAR SERÁ INDICADO PELA ASSISTENTE DE SALA.

Vídeo Promocional

Detalhes do Evento
  • Dias
    Horas
    Min
    Sec
  • Data / Início do Evento / Exposição
    9 de Julho, 2021 21:30
  • Categoria
  • Preço do Bilhete
    Gratuito
  • Classificação Etária
    Classificação Etária

    M/12

  • Companhia
  • Informações Adicionais
    Informações Adicionais

    - Plateia Sentada
    - Acesso a Mobilidade Reduzida
    - Duração do Espetáculo: 60 minutos

Cartaz do Festival